Home » Sem categoria » Nº5 – #Ilovealifer – bacurau – Nyctidromus albicollis

Nº5 – #Ilovealifer – bacurau – Nyctidromus albicollis

Trabalho com observação de vida silvestre e nos últimos posts falei sobre LIFERs que vi em outros países, aí as vezes você que mora em São Paulo pode pensar que para ver um LIFER temos que viajar, é verdade que é uma delícia viajar e sempre prazeroso por diversos motivos, mas a vida selvagem encontramos em todos os lugares, é só prestar atenção, é claro que em alguns lugares temos uma diversidade maior e outras menor.

Todos os meses em São Paulo tem uma atividade realizada no Instituto Butantã que se chama VAMOS PASSARINHAR, normalmente aos sábados e se inicia as 7 da manhã, que na verdade é um horário cedo para a maioria das pessoas, mas para passarinheiros é tarde, saímos ao nascer do sol, momento aonde as aves cantam mais.

Foi a minha primeira vez e confesso que fiquei bem feliz em ver 34 pessoas dispostas a passarinhar em pleno sábado chuvoso e nublado.
A maior surpresa deste dia foi ver o espetacular bacurau – Nyctidromus albicollis, esta ave tem hábitos noturnos e normalmente é facilmente avistada em estradas de terra assim que escurece, ela fica a procura de insetos que por ali passeiam, esta estava em seu ninho, e tem um mimetismo tão grande (mimetismo é o poder de se camuflar na natureza com as cores de seu corpo) que ficamos observando um tempo sem entender e sem achar aonde estava o belíssimo animal.
foto1

Um segurança quase pisou nesta ave e reparando a beleza e o seu esconderijo em uma área aonde pessoas passeiam, ele colocou uma faixa de proteção para proteger a ave e vez ou outra assusta um lagarteiu que tenta se alimentar de um de seus dois ovinhos.

Assim que cheguei no Butantã uma das primeiras aves que observei era o simpático papagaio verdadeiro – Amazona aestiva, que cantava sua típica melodia que as vezes parece mais um grito. Esta ave é um símbolo pois é uma ave de fácil reconhecimento, porém existem diversas espécies de papagaios e no Instituto Butantã pode se dizer que tem a maior população desta espécie em uma área urbana, uma oportunidade legal de se poder observar.
foto2

Enquanto observávamos o papagaio e mais outras aves que estava em um pé de canela, repleto de flores, observamos esta cena fantástica: um suiriri – Tyrannus melancholicus “correndo” atrás do papagaio que parecia estar atrapalhando o seu café da manhã, ambos saíram voando de lá, um bravo e o outro com medo…
foto3

Colecione LIFERs, uma atividade que podemos realizar diariamente indo para casa ou ao trabalho, sempre há aves ou outros animais por onde passamos, observe, aprecie.

Em breve cotarei mais histórias sobre LIFERs e minhas expedições em busca de imagens da vida silvestre.

fred7

 

Fred Crema trabalha com turismo de natureza desde 1992 . Amante convicto da natureza, diz que a observação nos traz um aprendizado diário, portanto acredita na transformação do ser humano através do contato com a natureza.

 

 

About Receitas de Viver

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

BIGTheme.net • Free Website Templates - Downlaod Full Themes